A Meu Ver!


mais um de muitos

Fico pensando sobre tudo, o que acontece, aconteceu e o que poderia ou deveria acontecer. Me avaliando e tentando rever minhas atitudes e conceitos.

A cada dia vejo como tudo pode ser tão diferente daquilo que a gente acha que vê. As mentiras que não enxerga por talvez confiar demais em todos. As coisas que as pessoas nos fazem que parecem fazer parte de um plano astral, falo de conspiração astral de tão infelizes que são as coincidências - que na verdade não são coincidências.

Dói mais quando você sabe uma coisa que não sabem que você sabe e as palavras ditas não significam nada além de uma lança afiada. Que se você não soubesse, talvez não sentisse. Mas antes de saber você já sentia.

-

E as pequenas coisas são sempre as que eu me importo mais. As mensagens sinceras, uma lembrança repentina e telefonemas. Os sorrisos e demonstração de que se importam. O apoio sem motivo. Tudo o de mais simples que aquece meu coração.

No fim ajo feito uma criança, por instinto quando deveria pensar e penso quando deveria agir por instinto.

Bom, vou dormir que tá tarde.

Marcadores: ,


Melhor visualizado em 1024 x 768 - Counter: Site Meter